Mick Schumacher pilota Ferrari do heptacampeonato do pai na Alemanha

A Ferrari não teve nem um pouco de sorte dentro das pistas na prova classificatória do GP da Alemanha neste sábado pela manhã. No entanto, um momento emocionante tomou conta do circuito de Hockenheim: Mick Schumacher, filho do heptacampeão mundial da F1 Michael, dirigiu a Ferrari F2004, máquina que levou seu pai a conquistar seu sétimo título.

Foram três voltas na Alemanha comandadas pelo jovem de apenas 20 anos, que faz seu primeiro ano da F2. A F2004 alcançou 13 vitórias e oito poles na temporada de 2004, um dos carros mais vencedores da Fórmula 1. Além desse título, Schumacher pai conquistou os títulos de 1994, 1995, 2000, 2001, 2002 e 2003.

Michael Schumacher segue lutando pela vida após sofrer um grave acidente na estação de esqui de Méribel, nos Alpes Franceses, em dezembro de 2013. Desde então, informações sobre seu estado de saúde são escassas por decisão da família e empresários do piloto.

No treino, os dois pilotos da Ferrari precisaram abandonar o treino classificatório no GP da Alemanha, em Hockenheimring, na manhã deste sábado. Enquanto Vettel não conseguiu volta rápida no Q1 e largará em último, Leclerc, que era o favorito para a pole position após os treinos livres, abandonou o Q3 e largará em décimo lugar. Por outro lado, Lewis Hamilton aproveitou o mau momento dos adversários e conseguiu a primeira posição com o melhor tempo do final de semana, de 1m11s767.

Completam as primeiras colocações Max Verstappen, 0s346 atrás, Valtteri Bottas, a 0s016 do holandês, enquanto Pierre Gasly ficou em quarto. Completaram os dez primeiros lugares, do quinto ao nono lugares, Kimi Raikkonen (Alfa Romeo), Romain Grosjean (Haas), Carlos Sainz (McLaren), Sergio Pérez (Racing Point) e Nico Hulkenberg (Renault).

O post Mick Schumacher pilota Ferrari do heptacampeonato do pai na Alemanha apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.